Leonard Peikoff no Ford Hall Forum

Em 1961, Ayn Rand foi convidada a palestrar no Ford Hall Forum, um grupo que patrocina palestras públicas gratuitas sobre questões políticas e sociais. Ela palestrou lá quase todos os anos até sua morte.

De 1982 a 2003, o filósofo Leonard Peikoff continuou essa tradição. Durante esse período, Peikoff fez várias palestras nas quais aplicou a filosofia do Objetivismo de Ayn Rand a uma ampla gama de temas, como educação, medicina, a direita religiosa, queda do comunismo, arte, crime e resposta dos Estados Unidos ao 11 de Setembro.

Explore os vinte anos de Leonard Peikoff no Ford Hall Forum.

Ayn Rand no Ford Hall Forum

Em 1961, Ayn Rand foi convidada para falar no Ford Hall Forum em Boston, a mais antiga série de palestras públicas gratuitas dos Estados Unidos. Isso marcou o início da relação de Rand com o Forum.

Ao longo dos anos, Rand deu várias palestras nas quais aplicou o Objetivismo a uma ampla gama de temas, como arte, censura, capitalismo, antitruste, aborto, pouso na Lua, alistamento militar, igualitarismo, inflação, Ronald Reagan e a direita religiosa.

Agora você pode reviver os 20 anos de Rand no Ford Hall Forum.

História da Filosofia

Este curso foi adaptado de uma série de palestras que Leonard Peikoff deu sobre a história da filosofia ocidental a fãs de Ayn Rand no início dos anos 1970. Peikoff afirma que o conhecimento da história da filosofia é “uma pré-condição para entender e, portanto, mudar a natureza e o curso atual da civilização”. Assim, o objetivo do curso é apresentar e analisar os argumentos filosóficos centrais, desde a Grécia Antiga até o Iluminismo, mostrando como as ideias e as tendências atuais passaram a ser aceitas, bem como o contexto em que devem ser compreendidas e, se necessário, corrigidas.

O curso proporciona uma excelente introdução ao tema da filosofia, além de demonstrar o poder das ideias para moldar o clima intelectual de uma cultura. O curso é destinado ao público geral e não exige nenhum conhecimento prévio de Filosofia.

Nota: Como as palestras que serviram de base para esse curso foram ministradas pelo Dr. Peikoff na década de 1970, algumas de suas referências culturais podem parecer estranhas para quem que não estiver familiarizado com a atmosfera cultural do final dos anos 1960 e início dos anos 1970. No entanto, isso não vai dificultar a compreensão ou apreciação do conteúdo do curso. Note, também, que nem todo o material da série de palestras originais do Dr. Peikoff está incluído na versão publicada ARI Campus. O áudio do curso completo de palestras do Dr. Peikoff está disponível para compra em e-store do ARI .

Aviso: Embora o Dr. Peikoff tenha dado permissão para a criação deste curso em um novo formato, ele não revisou ou aprovou nenhum de seus conteúdos. Os vídeos são acompanhados de materiais complementares que não faziam parte do curso original.

A Filosofia do Objetivismo

Neste curso, Leonard Peikoff apresenta o básico da filosofia de Ayn Rand e enfatiza seu significado prático para a vida de cada indivíduo.

Gravado ao vivo diante plateias de Nova York em 1976, este curso foi endossado por Rand na imprensa como “a única apresentação autorizada de toda a estrutura teórica do Objetivismo, ou seja, a única que eu reconheço como totalmente precisa”. Rand assistiu a todo o curso e participou de oito das doze sessões de perguntas e respostas.

Em 1991, Peikoff transformou este curso em seu livro Objetivismo: A Filosofia de Ayn Rand. Como as formulações e a estrutura lógica deste livro são “imensamente superiores”, Peikoff considera seu livro (em vez do curso) como “a declaração definitiva do Objetivismo”.

Apesar de ter sido suplantado, o curso tem valor permanente porque nos oferece (1) uma declaração gravada sobre os conceitos básicos do Objetivismo, (2) uma oportunidade de descobrir as diferenças entre o curso e o livro e (3) a chance de ouvir Rand responder a perguntas das plateias de Nova York.

Dentre os tópicos abordados, estão:

  • Metafísica e natureza metafísica do homem
  • Os fundamentos da epistemologia
  • A natureza e a função dos conceitos
  • Racionalidade
  • Os fundamentos da ética
  • Virtude, praticidade e felicidade
  • Os princípios da política e da natureza do capitalismo
  • Estética
  • A relação do Objetivismo com o passado e o futuro

 

Aviso: Embora Leonard Peikoff tenha dado permissão para a criação deste curso em um novo formato, ele não revisou ou aprovou qualquer de seu conteúdo.

Ayn Rand: a vida de uma escritora

Quem foi Ayn Rand? Que tipo de pessoa foi necessária para criar os herois ficcionais de A revolta de Atlas e A nascente e desenvolver uma nova filosofia da razão? Esse curso em formato de documentário revisa a vida de Rand (1905 – 1982) da perspectiva de seu objetivo de se tornar escritora. Fotografias, clipes e áudio de filmes de seu acervo pessoal ilustram essa narrativa sobre sua carreira. Entre as questões respondidas nesse curso:

  • O que motivou Rand a se tornar uma escritora?
  • Por que ela entendeu ser necessário fugir da Rússia Soviética?
  • Quais foram seus primeiros passos em Hollywood?
  • Como ela se sustentou enquanto trabalhava em projetos de ficção ainda não publicados?
  • Como ela desenvolveu a ideia para a história de A nascente?
  • Por que Cântico foi publicando antes na Inglaterra, e não nos Estados Unidos?
  • Por que as editoras que tinham rejeitado os romances anteriores de Rand desejavam publicar A revolta de Atlas?
  • Por que Rand decidiu focar em obras de não-ficção após publicar A revolta de Atlas em 1957?

Entendendo o Objetivismo

Esse curso, originalmente ministrado por Leonard Peikoff em 1983, é dirigido a interessados no Objetivismo, mas que têm dificuldade para digerir e integrar seus princípios em suas próprias vidas. Peikoff argumenta que, para entender o Objetivismo, e a filosofia em geral, precisamos de um método correto para entender ideias filosóficas, mantendo-as ligadas à realidade.

Utilizando uma combinação de teoria, demonstrações e exercícios, Peikoff explica os aspectos essenciais de um método adequado, incluindo: a necessidade de concretização; o valor (e o uso equivocado) de definições; a importância de reduzir ideias abstratas ao nível perceptual; a necessidade de estabelecer o contexto de uma ideia e entender a hierarquia lógica das ideias. Esses processos são usados para alcançarmos um entendimento mais profundo de diversas ideias centrais do Objetivismo, incluindo: a vida como padrão de valor, a virtude da honestidade, a validação dos direitos individuais, e o mal da iniciação da força física.

Os estudantes do Objetivismo consideram esse curso muito útil para melhorar sua própria metodologia de pensamento e entendimento geral. Esse curso inclui tarefas periódicas. Para extrair o máximo dele, faça cada tarefa antes de seguir para a lição seguinte.

Aviso: Embora o Dr. Peikoff tenha aprovado a criação desse curso em um novo formato, ele não revisou ou aprovou seu conteúdo.

A nascente

O que motiva um pensador criativo? É um desejo abnegado/altruísta de beneficar a humanidade? Um apetite por fama, fortuna e seguidores? A necessidade de provar superioridade?… Ou é um impulso autossuficiente de perseguir uma visão criativa, independentemente das necessidades ou opiniões dos outros? A resposta de Ayn Rand pode ser encontrada em seu retrato de Howard Roark, um arquiteto inovador que, segundo Rand, “luta pela integridade de seu trabalho criativo contra toda forma de oposição social.” A nascente é o tributo de Rand ao espírito americano do individualismo.

Esse curso é uma introdução ao romance que que inclui materiais sobre Rand e a época em que ela o escreveu, um resumo da história, uma análise dos personagens, uma discussão dos temas da história. Entre as perguntas respondidas, estão:

  • Por quais princípios vive o herói da história, Howard Roark?
  • Peter Keating é egoísta — ou abnegado/altruísta?
  • O que Ellsworth Toohey realmente busca em seu relação com os outros personagens?
  • Por que Dominique Francon se opõe à carreira de Roark, mesmo amando-o profundamente?
  • Por que a busca de poder de Gail Wynand fracassa?

 

Esse é um curso valioso para alunos de ensino médio, mas o material é pensado para estudantes de todos os níveis. Você pode assistir ao curso por completo em sequência, ou escolher lições específicas, dado que cada lição é um módulo independente. Professores que desejam utilizar o curso em sala de aula devem escolher lições mais relevantes para seus objetivos.

Alerta de spoilers: esse curso pressupõe que os alunos leram A nascente.

Sendo egoísta, sendo feliz

A ideia de que uma pessoa deveria ser egoísta parece tão estranha em nossa cultura que, quando as pessoas descobrem que Rand defendia uma moralidade do egoísmo, ficam desconfiadas. O que Rand queria dizer? Nesse curso, ministrado na Objectivist Summer Conference (OCON) 2016, a Dra. Tara Smith discute as principais características da moralidade do egoísmo de Rand – que ela chamou de “”egoísmo racional”” – explicando o que ela é, o que ela não é, e por que é a única forma pela qual um indivíduo pode alcançar a felicidade.

O curso responde a perguntas como:

  • Por que Rand acredita que o egoísmo requer virtudes morais?
  • É fácil ou difícil viver egoisticamente?
  • A felicidade é uma questão subjetiva ou objetiva?
  • Como um indivíduo identifica o que é de seu autointeresse racional?

Um folheto, entregue aos participantes do curso, está disponível aqui: Being Selfish Being Happy Handout. Ele apresenta um resumo do curso, diversas citações das obras de Rand, e uma breve lista de leituras adicionais.